Berliners no forno com doce de morango

by Paula Casimiro

Em Portugal, por uma qualquer razão, temos esta tradição estival de comer bolas de Berlim na praia. Os vendedores percorrem o areal para cima e para baixo debaixo do sol escaldante, carregados com geleiras de campismo pesadas e cheias de bolas de Berlim, enquanto apregoam alto a sua carga para chamar a atenção dos veraneantes mais distraídos. As bolas de Berlim, que se encontram em qualquer pastelaria Portuguesa digna desse nome, são recheadas com creme de pasteleiro, ao contrário das Berliners que se encontram na Alemanha, recheadas com doce de frutos vermelhos. E, apesar de não ser uma grande apreciadora deste tipo de donut frito, gorduroso e cheio de açúcar, com o seu creme amarelo demasiado doce, acabo sempre por comer uma ou duas durante as férias, normalmente no primeiro ou no último dia, porque sabem a férias de verão quando apreciadas na praia, a olhar o mar azul.

Agora que nos aproximamos a passos largos do verão, quis tentar uma abordagem diferente e cozer as bolas de Berlim, ou Berliners, no forno em vez de as fritar. Embora ainda precisem de untar ligeiramente os donuts com manteiga derretida para fazer com que o açúcar fique colado, no total apenas necessitam de uma colher de sopa de manteiga para fazer os 12 Berliners. Tal como os Berliners alemães, recheei os meus com doce de morango caseiro. A massa não é muito doce, dado que apenas leva 50g de açúcar, mas a ligeira acidez do doce contrabalança um pouco a doçura da cobertura de açúcar granulado. Por isso, comparadas com as nossas bolas de Berlim, estes Berliners no forno são incrivelmente suaves, leves e simplesmente derretem-se na boca. O aroma doce que sai do forno e o bocadinho de doce a espreitar de lado tornam-los irrisistíveis, não concordam?

Claro que podem usar qualquer tipo de doce que apreciem mais. Contudo, eu acho que os Berliners ficam particularmente bem com um doce de frutos vermelhos, como morango, mirtilo, amora ou framboesa, precisamente porque estes têm um pouco de acidez. Quando escolherem o vosso doce dêem preferência a um que seja mais espesso, para que não escorra facilmente para fora do donut, e suave, sem grandes pedaços de fruta, para não bloquear a ponta do saco de pasteleiro.

Eu utilisei um doce de morango caseiro para fazer estes Berliners no forno

É muito simples fazer doce de morango em casa: usei 1 kg de morangos – que lavei, retirei o pé e cortei em pedaços pequenos, mais ou menos, do mesmo tamanho – 750 g de açúcar para compotas e sumo de um limão. Juntei tudo num tacho largo, mexi bem, tapei e deixei a macerar durante duas horas à temperatura ambiente, mexendo uma ou duas vezes durante esse período. Depois, cozinhei os morangos em lume médio-alto, mexendo de vez em quando, durante 20 minutos.

Embora possam fazer quantidades maiores de doce, eu prefiro cozinhar cerca de um quilo de fruta de cada vez; quanto menor o tempo de cozedura, melhor será o sabor (será mais fresco). Se preferirem um doce mais suave, basta esmagar os morangos enquanto cozinham, para reduzi-los um pouco mais.

As receitas de doce mais tradicionais usam o mesmo peso de fruta e de açúcar, mas este pode ser reduzido. Nesta receita usei 750 g de açúcar mas podem reduzir ainda mais, para cerca de metade do peso da fruta, se fizerem uma quantidade pequena, guardarem o doce no frigorífico e consumirem-no num curto espaço de tempo (nos doces, o açúcar é simultaneamente espessante e conservante).

Por último, os morangos são pobres em pectina natural, que é um ingrediente essencial para dar aos doces e geleias a sua consistência gelatinosa. Por isso, usei açúcar para compotas para fazer o doce de morango. Este açúcar, que encontram no supermercado, vem com pectina adicionada. Algumas frutas, como as maçãs e marmelos, são naturalmente muito ricos em pectina. Se não conseguirem encontrar este açúcar para compotas, uma alternativa é juntar uma maçã verde ralada aos morangos antes de os cozinharem. Não vai mudar muito o sabor e acrescentará a pectina necessária. Se não adicionarem pectina, terão que cozinhar o doce durante muito mais tempo e, no final, este já não terá o mesmo sabor a morangos frescos, nem o mesmo tom de vermelho vibrante.


Berliners no forno com doce de morango

Print

Estes Berliners feitos no forno são incrivelmente suaves, leves e derretem-se na boca. O doce aroma que sai do forno e o bocadinho de doce a espreitar de lado tornam-los irresistíveis, não concordam?

Preparação: | Cozedura: | Repouso: 1 hora 5 minutos | Total:

Faz: 12 Berliners


INGREDIENTES

  • 315 a 375g de farinha sem fermento, mais um pouco para polvilhar a bancada
  • 100g de açúcar, dividido (50g para a massa, mais 50g para polvilhar os Berliners)
  • 7g de fermento de padeiro em pó
  • 1/4 colher de chá de sal
  • 165ml de leite morno (não demasiado quente)
  • 45g de manteiga sem sal derretida, mais uma colher de sopa para untar os Berliners
  • 2 gemas de ovo
  • 1/2 colher de chá de extrato de baunilha
  • 150g de doce de morango (suave, sem grandes pedaços de fruta)

INSTRUÇÕES

  1. Numa tigela grande, misturar 125g de farinha, o açúcar, o fermento e o sal.
  2. Adicione o leite quente, 45g de manteiga derretida, as gemas e o extrato de baunilha, e bata vigorosamente para misturar bem. Cubra com película aderente e deixe repousar à temperatura ambiente durante 10 minutos, até que apareçam algumas bolhas na superfície.
  3. Adicione 190g de farinha e amasse (na tigela) durante 5 minutos. Se a massa estiver muito húmida e se colar às mãos, vá adicionando 1 colher de sopa de farinha de cada vez e continue a amassar até que se desprenda das laterais da tigela e das mãos. Cubra a tigela com película aderente e deixe crescer até dobrar de tamanho (aproximadamente 45 minutos no forno aquecido a 50°C; à temperatura ambiente a duração vai depender da temperatura do ar, pelo que é necessário ir verificando).
  4. Forre um tabuleiro de forno com papel vegetal. Coloque a massa numa superfície enfarinhada e estenda-a até ter aproximadamente 1 cm de espessura. Use um cortador de biscoitos redondo (usei um aro de empratamento com 8 cm) para cortar círculos idênticos. Se necessário, para fazer os 12 Berliners, junte as aparas da massa e estenda de novo. Coloque delicadamente os Berliners no tabuleiro preparado, cubra com um pano de cozinha limpo e deixe-os crescer no forno aquecido a 50°C durante 20 minutos, até que eles fiquem empolados.
  5. Pré-aqueça o forno a 180°C. Coza os Berliners no forno pré-aquecido durante 10 a 12 minutos, até que estejam dourados.
  6. Derreta a manteiga restante e coloque 50g de açúcar numa tigela. Assim que retirar os Berliners do forno, picele cada um com manteiga derretida e passe pelo açúcar. Usando uma faca, faça um corte profundo no lado de cada Berliner e, com a ajuda de um saco de pasteleiro, recheie com doce de morango.

 


ENTRE EM CONTACTO

Gostava muito de conhecer a sua opinião sobre este artigo, em particular, ou sobre o blogue, em geral. Pode usar a caixa de comentários no fim de cada artigo ou enviar um e-mail através da página de contacto. Pode ainda seguir o blogue através do Instagram e Pinterest e, se quiser receber um e-mail quando sair um artigo novo, pode subscrever a newsletter no fim desta página.

Até à próxima.

1 comment

Ruth Miranda 16 Junho, 2019 - 8:51

Acho que um lemon curd resultaria muito bem aqui!!! Eu uso sempre vinagre balsâmico nos doces de frutos vermelhos, e tb faço semrpe pequenas quantidades, com menos açucar, até pq cá em casa um frasco de doce caseiro dura meros dias…

Responder

Deixe um comentário

* Ao usar este formulário concorda que este site processe a sua informação pessoal. Para mais detalhes, consulte a Política de Privacidade do site.

This website uses cookies Aceitar Saiba mais